DICA DE HOSPEDAGEM EM MANUEL ANTONIO- COSTA RICA

         plinio4Foto: Hostel Plinio, em meio ao verde.

          Falar de Manuel Antônio, na Costa Rica, é falar de um pedaço do paraíso. Um vilarejo na Costa Oeste do Pacífico que abriga praias paradisíacas e um dos parques nacionais mais bonitos e visitados da Costa Rica (veja nossas dicas gerais da Costa Rica nesse post). Já relatamos como foram nossos dias em Manuel Antonio nesse post aqui. Além do lugar perfeito, encontramos uma hospedagem que nos encantou também. E é dela que vamos falar hoje.

plinio1

Foto: Piscina e vista do Hostel.

            Trata-se do Hostel Plínio, localizado há uns 4km do centrinho e do Parque Nacional de Manuel Antonio. Como já contamos no outro post, tivemos dificuldade em encontrar hotel na região, principalmente por ser um destino bastante procurado no país. Tivemos que passar uma noite no Hostel Quetuanis (que também é muito bom) em um quarto compartilhado e só no dia seguinte conseguimos uma vaga no Hostel Plínio. Continuar lendo

DICAS DE MANUEL ANTONIO- COSTA RICA

           manuel9

Foto: Uma das belas praias de Manuel Antonio.

          Nesses últimos dias estamos escrevendo aqui no blog sobre nossa viagem para Costa Rica, em janeiro de 2016. Já falamos sobre nossas experiências em Monteverde e La Fortuna e hoje contaremos como foram nossos dias em Manuel Antonio. Foi sem dúvida um dos lugares mais apaixonantes da Costa Rica, pois essa pequena vila agrega duas coisas que amamos: praia e natureza abundante. Localizado na Costa Oeste do Pacífico, esse vilarejo abriga o menor Parque Nacional da Costa Rica, o Parque Manuel Antonio. Talvez o mais bonito de toda a viagem. Quando se fala em Costa Rica é difícil escolher o que mais nos chamou a atenção, tamanha a diversidade de paisagens que encontramos nesse país.

            Como já falamos aqui, embora seja um país muito pequeno, as estradas da Costa Rica são um tanto precárias e não existe transporte público eficiente entre os principais atrativos turísticos. Isso faz com que muitas vezes o turista tenha que ir até a capital San Jose, para depois ir até outro ponto desejado. Logo, perde-se um tempo valioso da viagem. Uma maneira de driblar isso são os transportes privativos. São bem mais caros, mas muito mais rápidos. Ideal para quem não tem muitos dias de viagem. Eles são chamados de shuttles e estão espalhados em todas as zonas turísticas. Fechamos com um deles de La Fortuna para Manuel Antonio. O translado foi excelente e durou umas 5 horas, pois havia muita neblina na serra. Uma dica: se você costuma enjoar é bom tomar um remédio, pois a serra é pesada, cheia de curvas e sobre e desce. O preço inicial do transporte era US$104, mas depois de muito chorar conseguimos por US$ 90 (para nós dois). Continuar lendo